Tóquio pede a Pequim que ajude na desnuclearização da Coreia do Norte

Tóquio pede a Pequim que ajude na desnuclearização da Coreia do Norte

Tóquio, 15 abr (EFE).- O ministro de Exteriores do Japão, Taro Kono, pediu neste domingo em Tóquio a seu colega da China, Wang Yi, que os dois países trabalhem juntos para fazer com que a desnuclearização da Coreia do Norte seja uma realidade.

"Quero que Japão e China se coordenem mais para completar nosso objetivo comum de conseguir uma desnuclearização completa, irreversível e verificável da Coreia do Norte", disse Kono ao começo da reunião com o chanceler chinês, segundo declarações coletadas pela agência "Kyodo".

Wang revelou antes do encontro que informaria a seu colega do conteúdo da cúpula entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o presidente da China, Xi Jinping, em Pequim o mês passado, com a qual se revitalizaram as relações deterioradas entre os dois países vizinhos e históricos aliados contra os testes nucleares de Pyongyang.

A visita de Wang, a primeira de um chanceler chinês ao Japão em mais de oito anos, aconteceu no meio de uma intensa atividade diplomática na região, perante as cúpulas em breve entre os líderes das duas Coreias e a do líder norte-coreano, Kim Jong-un, com o presidente dos EUA, Donald Trump. EFE