Lula demite comandante do Exército

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva demitiu o comandante do Exército, Júlio César de Arruda, informaram fontes das Forças Armadas à AFP neste sábado, quase duas semanas após os ataques às sedes dos três poderes, em Brasília.

Arruda havia assumido interinamente o cargo em 30 de dezembro, dias antes do fim do governo de Jair Bolsonaro, e sido confirmado pelo governo Lula. Ele será substituído pelo comandante militar do Sudeste, Tomás Ribeiro Paiva, segundo o canal de TV GloboNews.

Arruda se reuniu ontem com Lula no Palácio do Planalto, juntamente com os comandantes das Forças Armadas e o ministro da Defesa. Os comandantes não se pronunciaram após o primeiro encontro da cúpula militar com o presidente desde o ataque de 8 de janeiro, quando milhares de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro invadiram e saquearam as sedes de poderes públicos.

mls/pr/ad/lb