Lula discursa a milhares na Paulista e diz esperar sinal de Bolsonaro para transição

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Diante de milhares de apoiadores na avenida Paulista, em São Paulo, o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse na noite deste domingo (30) que espera um sinal do atual chefe do Executivo, Jair Bolsonaro (PL), para que a transição de governo seja feita.

"Estou metade alegre e metade preocupado porque a partir de amanhã tenho que começar a me preocupar em como a gente vai começar a governar o país", disse Lula em cima de um trio elétrico. "Preciso saber se o presidente [Bolsonaro] vai permitir a transição."

Em discurso enfático, o líder petista criticou o atual governo e voltou a afirmar que o resultado deste domingo representa uma vitória da democracia.

"Essa não é uma vitória minha, não é uma vitória só do PT, essa foi uma vitória de todas as mulheres e homens que querem a democracia, a liberdade, um país mais justo. Essa vitória é de todos homens e mulheres que resolveram libertar esse país do autoritarismo", afirmou.

Mais cedo, no primeiro discurso após ser eleito, Lula agradeceu a todos os que votaram neste domingo e prometeu encontrar uma saída para o país voltar a ter paz e viver democraticamente. O líder petista falou em diálogo com o Congresso e o Judiciário.