Lula irá pessoalmente à cúpula do clima COP27, diz presidente do PT

Ex-presidente Lula e ex-ministra Marina Silva

SÃO PAULO (Reuters) - A presidente do PT, Gleisi Hoffmann, confirmou nesta terça-feira que o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva irá pessoalmente à cúpula do clima COP27, da Organização das Nações Unidas (ONU), que acontecerá este mês no Egito.

Como antecipado pela Reuters, esse era um desejo de Lula, que recebeu um convite do Consórcio dos Governadores da Amazônia Legal para fazer parte da comitiva do grupo à cúpula. A data da viagem de Lula ainda será definida.

A COP27 acontecerá entre os dias 6 e 18 de novembro, mas as reuniões de chefes de Estado e outras autoridades se concentram na última semana, a partir de 12 de novembro.

A ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva, que é cotada para voltar ao cargo no novo governo Lula, havia dito antes da eleição de domingo que a equipe do petista pretende levar à COP27 uma proposta de revisar as metas nacionais de emissão de gases do efeito estufa, inclusive com a intenção de tornar mais ambiciosa a própria meta brasileira.

(Por Lisandra Paraguassu)