Lula lidera na Europa em 14 de 18 países com mais de metade das urnas apuradas

MILÃO, ITÁLIA, E MADRI, ESPANHA (FOLHAPRESS) - Segundo apuração dos boletins de 63% das urnas de 18 países da Europa, o ex-presidente Lula exibe uma vantagem de 67,64% dos votos válidos, enquanto o presidente Jair Bolsonaro recebe 32,36%.

Lula aparece à frente em 14 dos 18 países da Europa que têm locais de votação. Na Grécia, Bolsonaro venceu (55,63%), e três países ainda não tiveram a contabilidade anunciada.

A apuração é divulgada por um grupo de fiscais voluntários da coligação PT-PCdoB-PV, que está organizando uma contagem paralela em colégios eleitorais da Europa, com base nos boletins de urna -que pela regra devem ficar expostos em cada seção eleitoral.

Na França, 100% dos boletos já foram impressos e verificados. Paris, o único local de votação no país, é o nono maior colégio eleitoral no exterior. O petista teve 82,94% (7.885) dos votos válidos, enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PL) ficou com 17,06% (1.622).

Na Itália, onde se vota em Milão e Roma, com 100% dos boletins impressos, Lula ficou em primeiro, com 55,29% dos votos válidos (5.810); Bolsonaro, 44,71% (4.698).

Também já finalizaram a apuração a Áustria (71,7% de Lula; 28,3% de Bolsonaro), a Dinamarca (84,1% a 15,9%), a Espanha (64,62% a 35,38%) a Holanda (78,41% a 21,59%), a Hungria (85,28% a 14,72%), a Polônia (75,71% a 24,29%), a República Tcheca (79,67% a 20,33%), a Suécia (76,71% a 23,29%) e a Suíça (52,36% a 47,64%).

Alemanha, com 88% das urnas apuradas, dá 76,79% para Lula e 23,21% para Bolsonaro. Reino Unido, com 63% dos boletins verificados, tem 57,89% para Lula e 42,11% para o presidente.

Faltam a divulgação dos resultados de Bélgica, Irlanda e Portugal.