Lula mantém folga entre católicos, e Bolsonaro, entre evangélicos, aponta Datafolha

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PL) manteve folga entre eleitores evangélicos, enquanto o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) conservou sua vantagem entre católicos, aponta pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (1º).

Nas últimas duas semanas, o atual mandatário oscilou de 49% para 48% no primeiro grupo, contra os 32% estáveis do rival. Já o petista variou de 52% para 51% no segundo grupo, contra uma flutuação de 27% para 28% do adversário.

Abaixo, é possível ver a evolução dos dois candidatos por religião desde maio. No Brasil, 50% do eleitorado se declara católico, e 27%, evangélico, de acordo com o Datafolha. Outras religiões não foram incluídas porque as bases de dados são muito pequenas.

O levantamento, contratado pela Folha e pela TV Globo, ouviu 5.734 eleitores acima de 16 anos em 285 cidades. O número do registro na Justiça Eleitoral é BR- 00433/2022.

Foi considerada a pergunta estimulada, ou seja, em que os candidatos são citados ao entrevistado. A margem de erro total do levantamento é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, mas muda para três pontos entre os evangélicos.