Lula pede, e PT cria núcleos evangélicos nos Estados para buscar apoio na base religiosa

Amanda Perobelli/Reuters

RESUMO DA NOTÍCIA

  • A pedido de Lula, PT está criando núcleos evangélicos nos Estados como forma de tentar acessar essa fatia do eleitorado fiel a Bolsonaro.

  • Lula afirmou a aliados que o partido precisava “aprender com os pastores”, uma vez que, para o petista, “eles falam bem e o que as pessoas querem ouvir”.

O PT está criando núcleos evangélicos nos Estados como forma de tentar acessar essa fatia do eleitorado fiel a Jair Bolsonaro (sem partido). A iniciativa teria sido um pedido ao partido feito pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva assim que deixou a prisão em Curitiba. A informação é da coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo.

Segundo a coluna, Lula afirmou a aliados que o partido precisava “aprender com os pastores”, uma vez que, de acordo com relatos, para o petista, “eles falam bem e o que as pessoas querem ouvir”.

Leia também

Por outro lado, o pastor Daniel Elias, da Assembleia de Deus no Rio, integrante do movimento do PT, admite que a articulação é difícil.

“O grupo ligado à direita chegou primeiro e fidelizou, usando a linguagem do crente, citando a Bíblia. Embora haja evangélicos que não gostem de Bolsonaro, eles estão calados.”

Conversas com as cúpulas das igrejas estão fadadas ao fracasso, avalia a cúpula petista, já que a maioria se alinhou a Bolsonaro. É possível abrir diálogo com as bases, por outro lado. Para os petistas, há espaço para mostrar aos evangélicos, principalmente aos que vivem nas periferias, que há valores em comum com a sigla.