Luto no futebol: imprensa internacional repercute a morte de Pelé

A morte de Pelé no começo da noite desta quinta-feira, em São Paulo, teve repercussão instantânea nos principais jornais do mundo. A notícia sobre o fim da vida do atleta do século ocupou lugar de destaque nas maiores e mais importantes publicações do planeta.

Rei de Copas: Pelé sai de cena como o maior dos Mundiais, o único com três títulos

A morte de Pelé, o Rei do Futebol: ex-jogador travou batalha contra câncer, relembre

'Você é o Pelé?': relembre a carreira do Rei do futebol no cinema

O britânico The Telegraph classificou Pelé como "um dos esportistas mais icônicos de todos os tempos". Já o americano The Washington Post classificou o jogador como o "que melhor evocou o raro brilho colocado em seu corpo diminuto".

"Pelé foi construído para marcar gols e abençoado com as habilidades de improvisação de um mestre do jazz no campo de futebol", diz a publicação americana.

Já o jornal americano The New York Times classificou o jogador como "o rosto do futebol mundial", destacando, ainda, que foi o jogador quem ajudou a popularizar o futebol nos Estados Unidos.

"Célebre por seu talento incomparável e originalidade em campo, Pelé também conquistou os fãs com sua personalidade e sua crença no poder do futebol - futebol para a maior parte do mundo - para conectar pessoas em linhas divisórias de raça, classe e nacionalidade", diz a publicação.

O diário espanhol Marca diz em sua manchete que o "Futebol perdeu seu Rei".

Quem foi Pelé

Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, nasceu na cidade de Três Corações, em Minas Gerais, no dia 23 de outubro de 1940. É filho de João Ramos do Nascimento, que também foi jogador de futebol, conhecido como Dondinho, e Celeste Arantes do Nascimento.

Começou a se destacar em peladas na cidade de Bauru, no interior de São Paulo, aos 11 anos. Quatro anos depois, Pelé chegou ao Santos. Com 16 anos ganhou a titularidade e teve um sucesso repentino. Ele foi artilheiro do Campeonato Paulista pelo clube da Vila Belmiro, marcando 36 gols, e no ano seguinte esteve no grupo da seleção brasileira que venceu a Copa do Mundo.

Pelé marcou dois gols na final da Copa, em partida contra a Suécia, que jogava em casa. O atacante ainda ganhou outros dois mundiais: em 1962 e 1970. Ao longo de sua carreira, marcou mais de mil gols e foi considerado o atleta do século.

O rei do futebol foi casado três vezes. Ele deixa seis filhos.