'Luz no fim do túnel'

No dia em que o papa Francisco realizou as celebrações do Domingo de Ramos para uma Basílica de São Pedro vazia, o chefe do governo espanhol, Pedro Sánchez, classificou a redução no número de chegada de doentes pela Covid-19 como uma 'luz no fim do túnel'. Na Itália, o número de mortos pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas é de 525, o mais baixo em duas semanas, de acordo com a Defesa Civil.