Mãe é acusada de deixar filha deficiente morrer de fome

Yahoo! Notícias19 de junho de 2012

Uma mulher de 38 anos foi presa em Geórgia, nos Estados Unidos, sob suspeita de deixar morrer de fome a filha de 16 anos, que era deficiente mental. A adolescente foi encontrada morta pela polícia na última sexta-feira (15), pesando apenas 18 quilos.

Leia também:
Britânica mata os dois filhos e dorme ao lado dos corpos

De acordo com o “Mail Online”, Ebony Berry odiava a filha, Markea Blakely-Berry, porque ela nasceu prematura. Ainda de acordo com a publicação, a mulher tem envolvimento com um grupo "pró-fome" no Facebook e castigava a filha com frequência.

Vizinhos disseram que a menina já havia fugido de casa, sendo encontrada roubando comida em um supermercado. Ebony foi acusada e homicídio e crueldade contra crianças.