Mãe e filha se recuperam da Covid-19 em Paraisópolis

CLAUDINEI QUEIROZ
SÃO PAULO, SP, 26.03.2020: Vista aérea da da favela de Paraisópolis. (Foto: Eduardo Knapp/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma simples saída de casa para comprar peixe para a Semana Santa deu uma dor de cabeça para Francisca Laíce da Silva Holanda, de 22 anos, e a mãe Francisca Maria, de 44. Mesmo tomando todas as precauções para evitar o contágio com o novo coronavírus, a mãe foi contaminada no caminho e acabou transmitindo para a filha.

No início, a empregada doméstica começou a apresentar sintomas parecidos com os de sinusite e alergia, com dores de cabeça e falta de ar. Como sofre com essas doenças, acabou comprando remédios que já usava, mas não resolveram.

"Numa terça, nós a levamos para o hospital Next, na Vila Mariana, e o médico viu que ela estava com pneumonia. Ela fez o teste para o coronavírus, mas foi mandada de volta para casa. No sábado seguinte, ela estava muito mal com falta de ar e a levamos de novo para o hospital, quando viu o resultado positivo. Ficou até domingo à noite, quando foi mandada para casa de novo", lembra Laíce, contando que no dia seguinte, com a mãe ainda ruim, ela chamou a ambulância que presta serviço em Paraisópolis (zona sul de SP) para socorrer a mãe de novo.

Desta vez, Francisca Maria ficou internada por sete dias até o último domingo (5). A boa notícia é que não precisou ir para a UTI.

Com sintomas mais leves, Laíce ficou todo esse tempo em casa, tomando medicação até se recuperar por completo da Covid-19. "Quando comecei a sentir os sintomas, fui ao posto de saúde e fiz o teste, que deu positivo, mas tive de esperar dois dias pelo resultado", conta.

Após as duas se recuperarem, elas voltaram ao convívio com o pai, Valdemar, de 49 anos, e uma sobrinha, de 4. "Eles não pegaram o coronavírus, mas fizeram o teste e o resultado ainda não saiu", diz.

Nosso objetivo é criar um local seguro e atraente para os usuários se conectarem a interesses e paixões. Para melhorar a experiência de nossa comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários dos artigos.