Médico de Bolsonaro visita ex-presidente em casa na Flórida

O médico de Jair Bolsonaro (PL), doutor Ricardo Peixoto Camarinha, foi visto chegando no condomínio Encore Resort, em Orlando, onde o ex-presidente está hospedado. Bolsonaro foi internado no AdventHealth Celebration na segunda, com fortes dores abdominais e sem previsão de alta.

O ‘esconderijo’ de Eduardo Bolsonaro: deputado estava na casa de Lira durante a reunião sobre reação a atos terroristas

Governo Lula quebra primeiro sigilo de 100 anos de Bolsonaro: relembre outros casos que estão na lista

Segundo o colunista Lauro Jardim, o político deixou o hospital nesta terça, apesar da recomendação contrária da equipe médica. A indicação era de que ele ficasse ao menos mais três ou quatro dias internado, até que começasse a se alimentar ao menos com uma dieta pastosa.

O ex-presidente retornou, na noite de ontem, para o condomínio de luxo na Flórida onde vem se hospedando desde dezembro, quando viajou para os Estados Unidos ainda na reta final do mandato.

Logo depois de tomar posse como presidente, Bolsonaro escolheu Camarinha para ser o responsável por monitorar a sua saúde no Palácio. O doutor se tornou muito próximo ao mandatário, estando presente em viagens e em dias de exames ou cirurgias.

Nascido no Rio de Janeiro, Camarinha se formou em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com especialização em terapia intensiva e cardiologia e mestrado em clínica médica.

É servidor do governo federal desde 1983, mas só atendeu dois presidentes — além de Bolsonaro, Fernando Henrique Cardoso. Perguntado pela Revista Época em 2020 sobre o que é preciso para ocupar o cargo, respondeu que não existe característica específica:

— Falo por mim, que estou atento 24 horas por dia, com discrição e confiança profissional — resumiu.