Médico David Uip é internado para a realização de exames

Silvia Amorim

SÃO PAULO - O governador de São Paulo, João Doria, afirmou nesta segunda-feira que o médico David Uip, chefe do centro de contingência contra o coronavírus no governo de São Paulo, foi encaminhado ao Hospital Sírio-Libanês nesta segunda-feira para a realização de exames.

Ainda não há a confirmação de que ele esteja com o coronavírus.

— Diante do resultado, poderemos nos manifestar de forma mais clara e objetiva — completou o governador, durante coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

Na ocasião, Doria anunciou a criação da Rede Corona de Testes, com capacidade para realizar 2 mil testes por dia, a partir de quarta-feira. O sistema será integrado por 17 laboratórios ligados à Universidade de São Paulo.

— Vamos testar, testar e testar — disse ao anunciar a medida.

Segundo o governador, há 2.300 leitos de UTI disponíveis neste momento para o atendimento de pacientes de coronavírus no estado.