Maçãs acendem lâmpada de led e inspiram sustentabilidade

Fernanda Paixão, do Greenvana

Seria possível acender uma lâmpada usando fios, zinco, cobre e… maçãs? Pois foi o que fez o criativo e ousado fotógrafo americano Caleb Charland.

Leia também:
Fotos premiadas captam manifestações da vida selvagem
Catedral traz efeito incrível com 55 mil lâmpadas de led



Sem que ninguém soubesse que é possível uma maçã acender uma lâmpada de LED, Charland se enfiou num boque em Newburgh,  Maine, EUA, e conectou entre macieiras cerca de 300 maçãs a uma luminária. As frutas, ainda crescendo nas árvores, serviram de condutores de eletricidade, combinadas com um prego revestido de zinco presos a um fio de cobre desencapado. Segundo Charland, é preciso apenas 10 maçãs para deixar a lâmpada de LED acesa durante horas.

A ideia de fazer maçãs acenderem a lâmpada foi um simbólico experimento que traduziu o desejo de Charland de inspirar as pessoas a buscarem fontes de energia alternativas e sustentáveis.

Reconhecido pelos trabalhos sempre ligados à manipulação de materiais dos mais variados tipos, o fotógrafo afirma que suas obras sempre começam com perguntas. Algumas de suas fotos são baseadas em alta exposição, o que dá um efeito de luz psicodélico e, muitas vezes, difícil de acreditar que não foram manipuladas nesta era do Photoshop.

É um portfólio interessante que vale a pena conferir. Para checar outras peripécias do artista visite seu site.

Conheça o Greenvana