Macau ordena testes de covid-19 a todos os habitantes após 16 meses sem casos

·1 minuto de leitura
Macau, único centro de apostas autorizado da China, teve reduzidas taxas de infecção durante grande parte da pandemia

Macau ordenou nesta quarta-feira (4) exames de detecção de covid-19 para todos os residentes, após a detecção de quatro casos da variante Delta em uma mesma família, em um território que passou mais de 16 meses sem registrar contágios.

Durante os próximos três dias, as autoridades planejam aplicar testes em seus 680.000 residentes, distribuídos em 41 centros de exames, anunciou o governo desta ex-colônia portuguesa.

Os exames são uma das medidas anunciadas depois de que Macau, o único centro de apostas autorizado da China, registrou 491 dias sem um único caso de infecção local.

As autoridades investigam se a filha da família contraiu o vírus em um voo de Zhuhai para Xi'an, na China continental, em julho, informou o chefe do Executivo de Macau, Ho Iat-seng, nesta quarta-feira.

O mesmo voo transportou outras duas pessoas infectadas de Nanjing, o centro de um foco da variante Delta na China que provocou mais de 300 novos casos em 15 províncias e cidades, em duas semanas.

Na manhã de hoje, longas filas se formavam diante dos centros de exames, e o aplicativo de saúde da cidade foi bloqueado, noticiou a imprensa local.

Macau adotou o aplicativo da China continental, que classifica o risco de infecção, faz o rastreamento de deslocamentos e gera testes e registros de vacinação.

O território permanece com registros reduzidos de infecções, graças à política de fechar as fronteiras ao restante do mundo durante grande parte da pandemia. Também impôs restrições às chegadas a partir da China continental.

Apenas 60 casos foram contabilizados e nenhuma morte.

su/dva/axn/msr/es/fp/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos