Japão avalia resultado da cúpula intercoreana como "positivo"

Tóquio, 27 abr (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, qualificou nesta sexta-feira como "positiva" a realização da histórica cúpula intercoreana, embora tenha afirmado que será preciso "vigiar o desenvolvimento" da aproximação estipulada entre Seul e Pyongyang.

"Considero que é positivo que nesta cúpula tenha se falado seriamente", apontou o chefe do Governo japonês, que elogiou os esforços feitos pela Coreia do Sul para a realização do encontro na fronteira entre o seu presidente, Moon Jae-in, e o líder norte-coreano, Kim Jong-un.

No entanto, Abe se mostrou cauteloso e afirmou em entrevista à imprensa no Kantei, residência oficial do primeiro-ministro do Japão, que agora é necessário analisar os resultados da cúpula, sobre a qual será informado hoje diretamente por Moon por telefone, assim como "vigiar o processo" de aproximação empreendido na Coreia.

Kim e Moon realizaram hoje a primeira cúpula intercoreana em 11 anos e a terceira da história, e nela encenaram um primeiro passo para a reconciliação nacional e concordaram em trabalhar para a desnuclearização da península da Coreia. EFE