Mãe denuncia assédio de Papai Noel: 'Não queria soltar minha filha'

A mãe denunciou o caso no Facebook. (Foto: Getty Images)

RESUMO DA NOTÍCIA

  • Foto divulgada por mãe mostra homem excitado com criança no colo

  • Caso aconteceu em shopping de Contagem, em Minas Gerais

Em uma postagem no Facebook, uma mãe denunciou o Papai Noel do Big Shopping, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte por assédio. De acordo com a mulher, ele estava excitado enquanto segurava sua filha no colo, e não queria devolver a criança.

Na publicação, que foi compartilhada mais de duas mil vezes antes de ser apagada, a mulher relata o que aconteceu e compartilha fotos do ocorrido.

Leia também

“Ontem fui levar minha filha no Big Shopping, ela quis tirar foto com o Papai Noel, o Papai Noel ficou excitado quando ela sentou em sua perna. Eu queria tirar, ele ficava a segurar a menina, minha filha tem 10 anos, ele não queria soltar, ficava virando ela de uma perna para outra, até que eu a puxei do colo dele”, relata a mãe.

O shopping se pronunciou na quarta-feira através de postagem nas redes sociais. O estabelecimento lamentou o incidente, anunciou que o contrato com o Papai Noel foi suspenso, e que as comemorações de Natal continuam. Na publicação, o shopping afirma que o ator foi contratado através de uma empresa, mas não diz qual.

A Polícia Militar de Minas Gerais informa que a mãe não registrou boletim de ocorrência, mas que o homem que se fantasiava de Papai Noel foi até uma delegacia da Polícia Civil e alegou ser vítima de difamação nas redes sociais.

A mulher responsável pela denúncia disse em postagem no Facebook que não vai mais se pronunciar sobre o caso.

A mulher apagou a postagem em que fez a denúncia, e disse que não vai mais se pronunciar sobre o caso (Foto: Reprodução)