Maia diz que é 'inevitável' criação de CPI para investigar 'desorganização' e 'falta de logística' na Saúde

Victor Farias
·1 minuto de leitura
Pablo Jacob/Agência O Globo/15-12-2020

BRASÍLIA — O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta segunda-feira que é "inevitável" a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar "toda a desorganização, toda a falta de capacidade de logística e de entrega de equipamentos e insumos aos estados e municípios".

— Isso tudo eu acho que vai acabar uma grande investigação. É inevitável que a gente tenha pelo menos uma grande Comissão Parlamentar de Inquérito a partir de um momento um pouco mais na frente. Certamente essa investigação vai chegar aos responsáveis pelo não atendimento ao email de uma indústria farmacêutica querendo vender vacina para o Nrasil — que agora já não tem mais essas vacinas para vender —, toda a desorganização, toda a falta de capacidade de logística e de entrega de equipamentos e insumos aos estados e municípios, acho que isso vai ficar claro mais na frente — comentou.

As declarações foram dadas em meio a críticas ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. Maia lembrou que o militar é elogiado pelo governo pela sua experiência na área da logística, mas, segundo o presidente da Câmara, a atuação de Pazuello na Saúde foi falha justamente nesse aspecto.

— A gestão da saúde nos parece uma gestão que, para o que veio, já que o general Pazuello não é da saúde, para o que veio, que é a questão da logística, não parece que ele tenha atingido os objetivos da qual a sua nomeação foi feita — comentou.