'Maior ambição e determinação', diz Luís Castro, em pronunciamento junto de André Mazzuco, sobre momento do Botafogo

Horas depois do protesto feito por integrantes de uma torcida organizada do Botafogo no CT Lonier, local onde o clube tem feito os treinamentos, o técnico Luís Castro fez um pronunciamento para a Botafogo TV onde direcionou as palavras para os botafoguenses, frustrados com o momento do time.

Entenda: Torcida do Botafogo invade Centro de Treinamento e cobra jogadores; clube repudia ação

— A vossa tristeza é a minha tristeza, vossa frustração é a minha frustração e a vossa desilusão é a minha desilusão. Esses sentimentos provocam em mim um sentimento de maior ambição e determinação. Desejo muito que caminhem ao nosso lado. Só assim será possível seguirmos em frente. Jamais a violência pode ser nosso parceiro. Jamais pode estar de mão dada conosco. Queremos todos juntos para um grande futuro do Botafogo e é isso que vamos continuar a fazer. Seguimos juntos. Amanhã tem mais um desafio para nós. Que possamos ultrapassar com sucesso — falou o treinador.

Junto do treinador, o diretor de futebol do alvinegro André Mazzuco, também falou para a TV oficial do clube sobre o momento que o time vive dentro de campo. De acordo com o dirigente, não era esperado que a equipe chegasse a um desempenho tão ruim, o que levou o Botafogo para a zona de rebaixamento, mas afirmou que o clube busca soluções para sair desta situação.

'Dia do fico': Após protesto com cobranças, Victor Sá afirma que seguirá no Botafogo

— Temos total consciência do momento do clube. Não é o momento que projetávamos para a competição. Sabia que poderia haver uma oscilação como aconteceu recentemente, e agora é obrigação buscar soluções. Temos sim comprometimento e confiança. Todos os atletas do futebol profissional do Botafogo são comprometidos, sabem do projeto, confiam nele, desde o início e estamos falando de três ou quatro meses atrás com John e Luís Castro... Acreditamos muito que nós mesmos vamos buscar essas soluções e sair dessa — declarou, antes de mandar um recado direcionado para o botafoguense.

— O Botafogo é grande, tem uma torcida enorme que sempre apoiou e tenho certeza que vai continuar, porque é isso que precisamos. Vamos sair desse momento. Estamos buscando isso com muito trabalho, ações internas, relação entre os jogadores, comissão e todos que participam do projeto, que continua 100% com nossas convicções e confiança. Esperamos sim que possamos sair dessa situação o mais rápido possível e ter sempre essa torcida enorme do nosso lado, para que tenhamos dias melhores — afirmou Mazzuco.

Por fim, o diretor de futebol do Botafogo aproveitou para propor uma reflexão sobre a cultura de protestos violentos movidos por torcedores que permeiam o futebol brasileiro e mundial.

— Não só no Botafogo, mas acho que vale uma reflexão profunda do futebol brasileiro. São acontecimentos que já vem sendo noticiados nesse ano. Não só no Botafogo, mas com jogadores e clubes. Vale sim uma reflexão profunda das pessoas envolvidas em todos os setores para que isso não se torne corriqueiro — concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos