Maior navio de cruzeiro do mundo começa a ser construído na França

·2 min de leitura
Maior navio de cruzeiro do mundo vai se chamar Utopia
Maior navio de cruzeiro do mundo vai se chamar Utopia. (Divulgação)
  • Recém-iniciadas, as obras do navio de cruzeiro Utopia of the Seas devem durar 30 meses;

  • cerimônia de abertura do início dos trabalhos aconteceu em 8 de abril;

  • Sua viagem inaugural está prevista para a primavera de 2024.

Quem é fã de viajar em cruzeiros tem uma notícia animadora: a empresa Royal Caribbean anunciou o início das obras do navio Utopia of the Seas. A embarcação, quando pronta, deverá ser o maior megacruzeiro do mundo, com capacidade para até 10 mil passageiros, mais tripulação.

Sua viagem inaugural está prevista para a primavera de 2024 no hemisfério norte, entre março e junho, de acordo com o jornal The National, de Abu Dhabi. A cerimônia de abertura do início dos trabalhos aconteceu em 8 de abril, no estaleiro Chantiers de l'Atlantique em Saint-Nazaire, com o corte simbólico da primeira peça de aço da embarcação.

Ela deverá ser o primeiro dos megacruzeiros da Royal Caribbean a ser movida por Gás Natural Liquefeito, considerado o combustível fóssil mais limpo existente e que se alinha com a proposta da companhia de mover seus centros de entretenimento nos mares para patamares de menor pegada de carbono.

“Estamos empolgados em começar a construção do Utopia of the Seas”, disse Michael Bayley, presidente e CEO da Royal Caribbean International. “No sexto navio da Classe Oasis, os turistas podem esperar a combinação exclusiva de experiências da Royal Caribbean e muitas novas aventuras que fizeram e continuarão a fazer da classe de navios Oasis as melhores férias para hóspedes de todas as idades.”

Na cerimónia, foi cortada a primeira peça de aço da Utopia para marcar o início da jornada de 30 meses que é o processo de construção. Representantes da Royal Caribbean e Chantiers de l'Atlantique participaram do evento marcante, incluindo Jason Liberty, presidente e CEO do Royal Caribbean Group; e Laurent Castaing, gerente geral, Chantiers de l'Atlantique.

No entanto, antes que Utopia of the Seas possa chegar ao oceano, outro navio da Royal Caribbean deve se tornar o primeiro de toda a companhia a usar o mesmo combustível. Icon of the Seas, que navegará pela primeira vez no outono de 2023 — entre setembro e dezembro —, inaugurará a classe Icon também movido pelo gás.

Recém-iniciadas, as obras de Utopia of the Seas devem durar 30 meses. Ainda não foram divulgadas imagens do projeto, que deverá herdar a coroa do atual maior cruzeiro do mundo, o Wonder of the Seas. Também da Royal Caribbean, a embarcação tem capacidade para 6.680 hóspedes e 2.200 tripulantes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos