Bombeiros trabalham para combater incêndio florestal descontrolado na Califórnia

Bombeiros lutam, nesta segunda-feira (1º), no norte da Califórnia, contra o maior incêndio do ano no estado, que já deixou ao menos dois mortos após dobrar sua extensão durante o fim de semana, o que obrigou as autoridades a evacuar milhares de pessoas.

Impulsionado por fortes ventos e tempestades elétricas, o incêndio McKinney destruiu mais de 22 mil hectares da floresta nacional Klamath, perto de Yreka. Segundo as autoridades, no domingo à noite continuava avançando totalmente descontrolado.

O McKinney foi localizado na sexta-feira perto da fronteira com o Oregon.

"Ainda que o clima da noite passada [com chuvas] limitou a propagação do fogo, a área está extremamente seca e continua a ameaça de temporais e ventos fortes associados podem impactar no comportamento das chamas", afirmou o Corpo de Bombeiros da Califórnia (Cal Fire.

O serviço nacional de meteorologia mantém um alerta vermelho no local devido à ameaça de raios que impulsionaram pequenos incêndios nesta floresta, incluindo o China 2, que já consumiu mais de 800 hectares desde que começou, na sexta-feira.

As causas do incêndio estão sendo investigadas, mas as autoridades concordam que as condições climáticas do fim de semana, com temperaturas de até 38ºC na madrugada e "ventos imprevisíveis", alimentaram as chamas que se propagaram vertiginosamente.

O Gabinete do Xerife do Condado de Siskiyou disse que os bombeiros encontraram dois corpos no domingo dentro de um carro queimado na entrada de uma casa na mesma comunidade. O casal aparentemente ficou preso pelas chamas enquanto tentava escapar, disse o xerife Jeremiah LaRue à ABC.

O Escritório dos Serviços de Emergência da Califórnia informou que mais de 2.000 moradores de áreas rurais da região estavam sob ordens de evacuação, a maioria no condado de Siskiyou.

Cerca de 850 bombeiros trabalhavam para apagar o incêndio, com dez helicópteros apoiando as operações. Equipes de busca e resgate evacuaram 60 pessoas que caminhavam na Pacific Crest Trail, de acordo com o Departamento do Xerife do Condado de Jackson (Oregon).

A fumaça espessa ajudou a reduzir o avanço do incêndio no domingo, mas, por outro lado, impediu a decolagem de muitos aviões dos bombeiros, informou o Serviço Florestal dos EUA (USFS).

As chamas consumiram dezenas de construções, com outras 4.900 ameaçadas. O acesso terrestre foi restrito.

- "Muito grave" -

O serviço florestal dos Estados Unidos informou na manhã desta segunda-feira que a prioridade é impedir que as chamas alcancem a cidade vizinha de Yreka, que abrigou alguns moradores das comunidades vizinhas. Quase 8.000 pessoas estão sob ordem ou alerta de evacuação.

O incêndio McKinney começou a se propagar poucos dias depois que outro incêndio, o Oak, devorou dezenas de construções e obrigou a evacuação de milhares de pessoas perto do parque Yosemite.

A Califórnia, que atravessa anos de secas severas, ainda tem pela frente alguns meses de sua temporada anual de incêndios.

Cientistas afirmam que as mudanças climáticas geram ondas de calor cada vez mais frequentes e intensas que provocam incêndios florestais.

No ano passado o incêndio Dixie devastou quase 400.000 hectares no estado, destruindo milhares de construções.

bur-ec/bp/gm/dga/aa/jc

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos