Maioria dos países europeus recomendam uso de máscara contra Covid-19

·1 minuto de leitura
  • Post no Twitter é enganoso

  • Maioria dos países europeus recomendam o uso da máscara

  • A proteção facial é recomendada pela ciência no combate à Covid-19

Um post publicado no Twitter, que até o momento da publicação da reportagem tinha 10,2 mil curtidas, afirma de forma enganosa que em países europeus com cobertura vacinal menor que a do Brasil o uso da máscara contra a Covid-19 não é obrigatório. Contudo, não é correto dizer isso.

Post no Twitter engana ao dizer que em países europeus com número inferior de vacinados do que o Brasil o uso da máscara não é obrigatório (Foto: Twitter/Reprodução)
Post no Twitter engana ao dizer que em países europeus com número inferior de vacinados do que o Brasil o uso da máscara não é obrigatório (Foto: Twitter/Reprodução)

De acordo com os dados do Our World in Data, que registra os dados de vacinação ao redor do mundo, em 15 de setembro o Brasil tinha 67% da sua população vacinada ao menos com a primeira dose.

Leia também:

O continente europeu é constituído atualmente por 44 países. A reportagem comparou os dados dos países europeus com taxas de vacinados semelhantes ou inferiores ao Brasil. Além disso, consultamos as diretrizes sanitárias de 30 países a respeito do uso das máscaras e constatamos que, ao contrário do que afirma o post enganoso, países com taxas de vacinação semelhantes ao Brasil recomendam o uso de máscaras.

Em Andorra, que tem 66% da população vacinada com pelo menos a primeira dose, o uso da proteção facial não é obrigatório em espaços públicos e vias urbanas – somente em locais públicos fechados como bares, restaurantes, lojas e estabelecimentos culturais. Já em Mônaco, o uso da máscara é obrigatório em vias públicas e espaços públicos ao ar livre.

O conteúdo também foi verificado pelo Comprova.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos