Mais de 400 migrantes desembarcam na Sicília

Já está em terra o primeiro grupo de 438 migrantes resgatados a semana passada no Mar Mediterrâneo. O "Sea-Watch 3", um navio de salvamento de uma organização humanitária alemã, conseguiu a autorização das autoridades italianas para atracar no Porto de Taranto, no sul do país. O navio passou vários dias no mar com temperaturas que atingiam os 40 graus. Entre os migrantes, há 117 menores desacompanhados e 35 mulheres.

Com o bom tempo das últimas semanas aumentaram os barcos com migrantes que fazem a travessia do Norte de África para a Europa. Várias operações de salvamento foram realizadas por instituições internacionais, guarda costeira italiana e navios mercantes.

No mediterrâneo continuam mais de 1000 pessoas a bordo de barcos humanitários à espera de um porto seguro para poderem desembarcar.

Desde o início do ano, já chegaram a Itália pelo mar quase 40 mil migrantes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos