Mais de cem pessoas são retiradas de praia na Zona Sul do Rio por agentes da prefeitura

Selma Schmidt
·1 minuto de leitura

A Secretaria municipal de Ordem Pública (Seop) evacuou, na tarde desta segunda-feira, por volta das 17h, a Praia do Vidigal, na Zona Sul do Rio. A praia, na Zona Sul do Rio, encontrava-se lotada, o que está proibido por decreto. A notícia foi publicada em primeira mão no blog de Ancelmo Gois, no jornal "O Globo".

Além da aglomeração, muitos banhistas estavam sem máscaras, o que também está vedado em ambientes públicos. Cerca de cem pessoas tiveram que deixar o local por uma escadaria que dá acesso à areia.

De acordo com a Seop, inicialmente os fiscais e guardas municipais tentaram dispersar o grupo. Ainda não se sabe quantos dos banhistas que estavam no local foram efetivamente multados pela presença na praia ou pela falta de uso de máscara.

Mais cedo, cerca de duas horas antes da operação, a mesma coluna de Ancelmo Gois havia publicado um vídeo mostrando a Praia do Vidigal lotada. No registro, é possível ver que até mesmo ambulantes estavam atuando na areia, o que também está proibido na cidade - e no estado como um todo - durante os dez dias de feriado para conter o avanço da Covid-19.