Mais um homem é preso após ejacular em passageira de ônibus em SP

Willian Moreira/Futura Press
Willian Moreira/Futura Press

Um homem de 26 anos foi preso em flagrante nesta quarta-feira na região do Tatuapé, zona leste de São Paulo, depois de ejacular em uma passageira dentro de um ônibus.

Segundo a Polícia Civil, Evandro Quesada da Silva, que até então não tinha passagens pela polícia, ejaculou na perna de uma passageira de 34 anos.

Há cerca de um mês, um caso semelhante ocorreu na avenida Paulista e teve grande repercussão. O auxiliar de serviços gerais Diego Ferreira de Novais, de 27 anos, foi solto em audiência de custódia, mas acabou preso em flagrante dias depois de molestar outra passageira, na mesma região.

Novais foi denunciado pelo Ministério Público por crime de estupro.

A vítima, que preferiu não se identificar, disse que jamais imaginou que isso aconteceria com ela.

“É uma sensação de nojo, desrespeito, não sei explicar direito. Nunca tinha passado por isso. Minha perna está tremendo até agora”, afirmou aos jornalistas, na delegacia, mais de duas horas após o ocorrido.”

O delegado responsável pelo inquérito no 30º DP, Rubens Salles Pereira Orrin, afirmou que o agressor foi preso em flagrante por violação sexual mediante fraude – crime que é inafiançável e que pode render até seis anos de prisão.

Após a prisão, ele será encaminhado hoje à audiência de custódia no Fórum Criminal da Barra Funda.