Mais um membro da comitiva de Bolsonaro aos EUA confirma coronavírus; total chega a 6

Foto: JIM WATSON/AFP via Getty Images

Chegou a seis o número de pessoas em contato com a comitiva do presidente Jair Bolsonaro em viagem recente aos Estados Unidos que contraíram coronavírus. O publicitário Sérgio Lima, marqueteiro do novo partido do presidente, o Aliança pelo Brasil, confirmou o contágio em um post nas redes sociais.

“Acabo de receber meu resultado positivo para o #Covid-19 (sic). Fico chateado por ter que me afastar do trabalho pelo período da quarentena, mas vou aproveitar para ler e estudar. Cuidem-se”, escreveu o marqueteiro pelo Twitter.

Leia também

Lima não viajou com Bolsonaro no avião presidencial para a Flórida, mas esteve com o grupo que acompanhava o presidente no encontro com Donald Trump, presidente dos EUA, no resort Mar-a-Lago, na Flórida, no último final de semana (de 7 a 10 de março).

Além de Lima, outras cinco pessoas que tiveram contato com Bolsonaro e possivelmente com Trump foram confirmadas com o Covid-19. O primeiro caso foi o do secretário especial de Comunicação, Fabio Wajngarten, o que obrigou os demais integrantes da comitiva a fazerem o teste de contágio.

Entre os membros da comitiva que confirmaram resultado positivo no teste de coronavírus estão o embaixador Nestor Forster; o senador Nelsinho Trad (PTB-MS), e Karina Kufa, tesoureira do Aliança do Brasil. O prefeito de Miami, Francis Suarez, que participou do encontro, também contraiu o Covid-19.

Nelsinho Trad foi ao Senado na quarta-feira (11) e participou da reunião sobre coronavírus que aconteceu em um plenário com deputados e senadores de diversos partidos, inclusive os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Também participaram os ministros Paulo Guedes (Economia), Luiz Henrique Mandetta (Saúde), Jorge Oliveira (Secretaria-Geral) e Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e o presidente do BC (Banco Central), Roberto Campos Neto (Banco Central).

O senador informou ter permanecido em Brasília. “Eu abracei meio Congresso”, declarou Trad ao jornal O Globo.

Trump e Bolsonaro fizeram testes, mas deram negativo para contágio com coronavírus. Outros membros da comitiva ainda esperam resultado de exames.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.