#MamataEmDubai: Brasileiros questionam comitiva de Bolsonaro e presença de Magno Malta em viagem

·2 min de leitura
Magno Malta está na comitiva presidencial de Jair Bolsonaro em Dubai (Foto: Reprodução)
Magno Malta está na comitiva presidencial de Jair Bolsonaro em Dubai (Foto: Reprodução)
  • Críticos do governo de Jair Bolsonaro questionam presença de Magno Malta na comitiva presidencial em Dubai

  • Além de Bolsonaro, outras 12 pessoas fazem parte do grupo que viajou aos Emirados Árabes Unidos

  • Também chamou atenção a presença de Nikolas Ferreira, vereador de Belo Horizonte

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está nos Emirados Árabes Unidos, participando da Expo Dubai 2020. Além de Bolsonaro, a comitiva é composta por outras 12 pessoas – nem todas com cargos no governo federal, o que tem gerado questionamento por parte de brasileiros.

Nas redes sociais, opositores do presidente estão usando a hashtag #MamataEmDubai para falar sobre a comitiva inchada de Bolsonaro – uma alusão ao termo utilizado com frequência pelo próprio presidente da República, “mamata”.

A maior surpresa é a presença do ex-senador Magno Malta, anteriormente aliado de primeira ordem do presidente. No entanto, depois que Malta não aceitou ser vice de Bolsonaro e tampouco conseguiu a reeleição em 2018, os dois estavam afastados.

Nas redes sociais, Malta tem feito uma intensa cobertura dos eventos da comitiva presidencial. O Yahoo! Notícias questionou a Secretaria de Comunicação sobre o motivo da presença de Magno Malta na viagem e se os custos estão sendo bancados pelo governo federal, mas não obteve resposta.

Outra presença que chamou atenção é a do vereador de Belo Horizonte Nikolas Ferreira, do PRTB, mesmo partido do vice-presidente Hamilton Mourão, que não está na comitiva. Nikolas costuma expor nas redes posições conservadoras e, recentemente, declarou que se vacinou contra a covid-19 apenas por ter sido obrigada. O vereador tem aparecido em vídeos feitos pelo deputado federal, e filho do presidente, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Também fazem parte da comitiva o filho 01 do presidente, o senador Flávio Bolsonaro (Patriotas-RJ), e o deputado federal Hélio Lopes (PSL-RJ). Há, ainda, sete ministros de Bolsonaro na viagem:

  • Paulo Guedes, da Economia

  • Mário Frias, da secretaria especial de Cultura

  • Augusto Heleno, do Gabinete de Segurança Internacional

  • Carlos Franca, das Relações Exteriores

  • Gilson Machado, do Turismo

  • Walter Braga Netto, da Defesa

  • Bento Albuquerque, de Minas e Energia

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos