Manchester City vence PSG, e os dois estão nas oitavas da Liga dos Campeões

·2 min de leitura
Lance da partida entre Manchester City e Paris Saint-Germain, pela 5ª rodada do Grupo A da Liga dos Campeões (AFP/Oli SCARFF)

O Manchester City venceu de virada o Paris Saint-Germain por 2 a 1, nesta quarta-feira, pela 5ª rodada do Grupo A da Liga dos Campeões, resultado que classifica as duas equipes para as oitavas de final da competição graças à derrota do belga Club Brugge para o alemão RB Leipzig (5-0).

Na partida disputada na Inglaterra, Kylian Mbappé abriu o placar para os franceses no início do segundo tempo (50), mas os donos da casa viraram com os gols de Raheem Sterling (63) e de Gabriel Jesus (76).

Com este resultado, o City lidera a chave com 12 pontos, quatro a mais que o time de Paris, segundo colocado. Já o RB Leipizig (3º) e o Club Brugge (4º) estão empatados com quatro unidades e não têm mais chances de classificação para as oitavas do principal torneio europeu de clubes, quando falta apenas uma rodada para o fim da fase de grupos.

No dia 7 de dezembro, pela sexta e última rodada da chave, o PSG recebe os belgas do Brugge e a equipe inglesa vai Alemanha encarar o RB Leipizig. Em jogo, apenas a definição do terceiro lugar do grupo, que garante o direito de participar na segunda fase da Liga Europa.

- Gols no segundo tempo -

Depois de um primeiro tempo em que os anfitriões tiveram domínio total, com direito a bola na trave (em chute de Gündogan, aos 33) e grandes defesas de Navas, os parisienses voltaram para a segunda etapa mais ligados.

E logo aos 50, o lateral Nuno Mendes passou para Neymar, que fez um corta-luz e a bola acabou chegando aos pés de Messi, que tocou para Mbappé. O francês dominou e finalizou entre as pernas do goleiro Ederson.

Apesar da desvatagem no placar, o time da cidade de Manchester não se abateu e manteve o ritmo apresentado no primeiro tempo.

E o gol de empate não demorou para sair. Em uma lançamento de Rodri na área adversária para Walker, o lateral tocou para a chegada de Sterling, que igualou o marcador.

Coube a Gabriel Jesus decretar a vitória inglesa, pouco depois de desperdiçar uma excelente oportunidade no minuto 69, na qual meteu uma bomba de virada obrigando Navas a fazer mais uma grande defesa.

Aos 76, Mahrez cruzou para Bernardo Silva, que tocou para o atacante brasileiro finalizar com perfeição, marcando assim seu 19º na Liga dos Campeões.

mcd/pm/lca

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos