Manchester United, Tottenham e Roma vencem e se aproximam das oitavas da Liga Europa

·5 minuto de leitura

Manchester United, Roma e Tottenham, três dos grandes favoritos ao título da Liga Europa, deram um grande passo rumo à classificação para as oitavas de final do torneio continental depois de vencer seus respectivos duelos de ida dos 16-avos de final nesta quinta-feira como visitantes.

Bruno Fernandes marcou duas vezes na vitória do Manchester United por 4-0 sobre a Real Sociedad, enquanto Gareth Bale brilhou pelo Tottenham na goleada por 4 a 1 sobre o Wolfsberg, da Áustria.

O United do técnico norueguês Ole Gunnar Solskjaer jogou em Turim devido às restrições de viagens causadas pela pandemia de coronavírus.

O United começou devagar nos primeiros 10 minutos, mas foi crescendo no jogo, com Marcus Rashford perdendo duas oportunidades excelentes.

O time da Premier League abriu o placar aos 27 minutos, quando Fernandes aproveitou uma falha entre o goleiro da Sociedad, Alex Remiro e o zagueiro Robin Le Normand, quando tentavam afastar uma bola de Rashford.

Os comandados de Solskjaer aumentaram a vantagem aos 12 minutos do segundo tempo, com Fernandes marcando seu 21º gol na temporada, somando todas as competições, depois de Daniel James ter desviado a bola de Rashford.

O gol foi inicialmente anulado devido a um impedimento. Mas a decisão do auxiliar acabou sendo revista pelo VAR.

O United continuou a jogar em um ritmo que a Real Sociedad não conseguiu acompanhar e Rashford finalmente conseguiu balançar as redes aos 65 minutos após um rápido contra-ataque iniciado pelo goleiro Dean Henderson.

O último gol veio no minuto final do tempo normal, quando James correu e chutou no canto inferior.

- Bale ressurge -

Com gols do sul-coreano Son Heung-min (13), do galês Gareth Bale (28) e dos brasileiros Lucas Moura (34) e Vinicius Morais (88), o Tottenham ficou com um pé e meio na próxima rodada após a vitória de 4 a 1 sobre o modesto austríaco Wolfsberger.

O técnico do 'Spurs', José Mourinho nunca perdeu um duelo de mata-mata na competição, que venceu quando comandou o Porto em 2003 e o Manchester United em 2017.

Já o Leicester não conseguiu o sucesso de seus rivais ingleses. O time não passou do empate sem golos em sua visita ao Slavia, em Praga.

- Milan cede empate -

Dos representantes italianos, a Roma também se aproximou das oitavas de final com uma vitória convincente (2-0) sobre o Braga, fora de casa, com gols do bósnio Edin Dzeko (5) e do espanhol Borja Mayoral (86).

O Milan, por sua vez, cedeu o empate ao Estrela Vermelha depois de ficar duas vezes em vantagem no placar, por meio de Radovan Pankov (contra, aos 42 minutos) e o francês Theo Hernandez (de pênalti aos 61).

Mas os sérvios empataram nas duas ocasiões, a segunda delas quando tinham 10 jogadores em campo. Kanga Kakou marcou de pênalti aos 52 e Milan Pankov deixou tudo igual já nos acréscimos (90 + 3).

Entre outros jogos de ida desta quinta-feira, o destaque foi a derrota do Bayer Leverkusen, que perdeu por 4 a 3 em Berna para o Young Boys. Poderia ter sido bem pior, já que o time suíço chegou a fazer 3 a 0.

Em outro confronto, o grego Olympiacos derrotou o holandês PSV Eindhoven por 4 a 2.

- Granada surpreende Napoli -

Nas partidas que fecharam a jornada desta quinta-feira, o Granada, estreante nas competições europeias, surpreendeu ao vencer o Napoli por 2 a 0, com gols do venezuelano Yangel Herrera e do brasileiro Kenedy.

O time espanhol mostrou um bom futebol diante de uma equipe acostumada a disputar a Liga dos Campeões.

Outra equipe da Espanha, o Villarreal, também venceu por 2 a 0. A vítima foi o Salzburg, com gols de Paco Alcácer (41), que havia perdido um pênalti aos 28, e Fer Niño (71).

O Arsenal empatou em 1 a 1 com o Benfica, em partida que acabou sendo disputada no estádio Olímpico de Roma, na Itália, por motivos sanitários.

Após sofrer um gol de pênalti do português Pizzi (55), os 'Gunners' reagiram rápido e empataram com um voleio do jovem inglês Bukayo Saka (57).

Um gol contabilizado como visitante que dá uma vantagem aos londrinos para o jogo de volta que será disputado no dia 25 de fevereiro, desta vez em Atenas, também devido à pandemia.

Enquanto isso o Ajax conseguiu um bom resultado fora de casa ao vencer o Lille, líder do campeonato francês, por 2 a 1.

-- Jogos de ida dos 16-avos de final da Liga Europa:

- Quinta-feira:

Dínamo de Kiev (UCR) 1 Buyalskyy (62)

Brugge (BEL) 1 Mechele (67)

Estrela Vermelha (SRB) 2 Kanga Kakou (52, de pênalti), Pavkov (90+3)

Milan (ITA) 2 Pankov (42, contra), Hernandez (61, de pênalti)

Krasnodar (RUS) 2 Berg (28), Claesson (70)

Dínamo Zagreb (CRO) 3 Petkovic (15, 54), Iyayi (75)

Olympiacos (GRE) 4 Bouchalakis (9), Mvila (37), El-Arabi (45+2), Masouras (83)

PSV Eindhoven (HOL) 2 Zehavy (14, 40)

Real Sociedad (ESP) 0

Manchester United (ING) 4 Fernandes (27, 57), Rashford (65), James (90)

Braga (POR) 0

Roma (ITA) 2 Dzeko (5), Mayoral (86)

Wolfsberger (AUT) 1 Liendl (55, de pênalti)

Tottenham (ENG) 4 Son Heung-min (13), Bale (28), Lucas (34), Vinicius Morais (88)

Young Boys (SUI) 4 Fassnacht (3), Siebatcheu (19, 89), Elia (44)

Bayer Leverkusen (ALE) 3 Schick (49, 52), Diaby (68)

Slavia Praga (CZE) 0

Leicester (ING) 0

Antwerp (BEL) 3 Avenatti (45), Rafaelov (45+8, de pênalti), Hongla (67)

Rangers (SCO) 4 Aribo (39), Barisic (59, de pênalti, 90, de pênalti), Kent (83)

Benfica (POR) 1 Pizzi (55, de pênalti)

Arsenal (ING) 1 Saka (57)

Granada (ESP) 2 Herrera (19), Kenedy (21)

Napoli (ITA) 0

Lille (FRA) 1 Weah (73)

Ajax (HOL) 2 Tadic (87, de pênalti), Brobbey (90)

Macabbi Tel Aviv (ISR) 0

Shakhtar Donetsk (UCR) 2 Alan Patrick (31), Tetê (90+3)

Molde (NOR) 3 Ellingsen (41), Ulland Andersen (70), Fofana (74)

Hoffenheim (ALE) 3 Dabour (8, 28), Baumgartner (45+3)

Salzburg (AUT) 0

Villarreal (ESP) 2 Paco Alcácer (41), Niño (71)

bur/dr/mcd/aam