Marília Mendonça: corpo de piloto é a velado em Brasília

·1 min de leitura

BRASÍLIA — Muita comoção marca o velório do piloto Geraldo Martins de Medeiros Júnior, de 56 anos, no Cemitério Campo da Esperança, na região central de Brasília. A cerimônia, prevista para ocorrer das 8h às 10h, contou com a presença de parentes e amigos.

O piloto deixa três filhos. Depois do velório, segundo a família, o plano é que o corpo siga para Valparaíso (GO), onde deve ser cremado.

Medeiros pilotava o avião que levava a cantora Marília Mendonça, o assessor e tio dela, Abicieli Silveira Dias, o copiloto Tarciso Pessoa Viana e o produtor Henrique Bahia. Ícone do sertanejo universitário, a artista estava retomando as agendas presenciais e faria um show em Caratinga (MG), onde ocorreu o acidente aéreo, na última sexta-feira. Todos morreram.

“Obrigada por vir se despedir de mim de uma forma inefável. O senhor fez tudo. Sua presença é ilustre. Meu herói. Amor da minha vida”, publicou a filha Vitória Medeiros, no Instagram.

Os corpos dele e do copiloto vieram de carro de Caratinga (MG) para Brasília. Eles foram liberados na tarde de sábado.

Marília e seu tio foram velados e enterrados no sábado, em Goiânia. Com a presença de familiares, amigos e fãs, a despedida foi marcada pela comoção. Henrique Bahia também foi velado e enterrado no sábado, em Salvador.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos