Marília Mendonça e Maiara e Maraísa anunciam turnê do projeto 'As patroas'

·1 minuto de leitura
Marília Mendonça e Maiara e Maraísa anunciam turnê do projeto 'As patroas' (Foto: Reprodução/ Instagram @ mariliamendoncacantora)
Marília Mendonça e Maiara e Maraísa anunciam turnê do projeto 'As patroas' (Foto: Reprodução/ Instagram @ mariliamendoncacantora)

Destaques da onda que inundou o sertanejo de mulheres em 2016 com canções românticas e de sofrência, Marília Mendonça e Maiara e Maraísa lançaram em julho o projeto “As patroas” com nove músicas inéditas. O projeto virou um disco e, em breve, o público também poderá ouvir as artistas cantarem ao vivo as canções. O trio anunciou esta semana que vão subir ao palco juntas no próximo ano em quatro shows de três horas de duração nas principais capitais do país: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília. 

"É o grande passo das nossas vidas. A gente respira isso. E é com isso que a gente vai voltar para a estrada" disse Marília em entrevista ao "Fantástico" no domingo. 

Leia também:

A amiga Maraisa completa:

"Eu tenho certeza que a tour das patroas vai ser a mais especial das nossas vidas". 

As cantoras já eram amigas antes do sucesso e agora querem dedicar mais tempo a este projeto. Havia cinco anos que não compunham juntas e voltaram a escrever nos três meses de ensaio para a live que anunciou o projeto em julho. Uma das músicas, “Você não manda em mim” trata justamente da violência contra a mulher e foi antecipada quando o caso de DJ Ivis veio à tona.  

Se tivéssemos adiantado um pouco mais, ela teria um apoio maior. As pessoas deveriam falar mais sobre questões sociais. A discussão na internet foi positiva. Mas o público gosta mais de música que fala de amor, todo mundo muito apaixonado. Se quiser ganhar dinheiro, faz música sobre relacionamento que deu errado, gente (risos) — alerta e se diverte Marília. 

 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos