Maratona do Rio: Sob chuva, etíope bate recorde no feminino; brasileiro vence entre os homens

A etíope Kebebush Yisma bateu o recorde da Maratona no Rio, neste domingo, no Aterro do Flamengo. A atleta correu os 42 km em 2h34min33s (tempo extraoficial), oito segundos abaixo da marca anterior da queniana Thabita Kibet, na edição de 2012.

Yisma cruzou a linha de chegada à frente da compatriota Yadeni Alemayehu, que fez o tempo de 2h37min56s. O restante do Top 5 foi brasileiro: Rejane Ester Bispo (2h47min16s), Mirela Saturnino de Andrade (2h59min12s) e Viviane Amorim (3h6min12s).

A etíope já havia vencido a Maratona Internacional de São Paulo, em abril deste ano, com o tempo de 2h37min40s.

No masculino, o brasileiro Justino Pedro da Silva venceu a maratona com o tempo de 2h16min02s. Mas a vitória foi apertada e disputada até os últimos metros com o também brasileiro Edson Arruda dos Santos e com o etíope Tilahum Nigussie. Poucos segundos separaram os três: 12 segundos de Edson, segundo lugar (2h16min14s), e 25 segundos de Nigussie (2h16min27s).

O Top 5 ainda teve mais dois brasileiros: Eliezer Santos, em 4º, e Fabricio Gomes Santos, em 5º.

Além dos 42km, foram disputadas as provas de 5km e 10km, neste domingo. Todas com largada e chegada no Aterro do Flamengo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos