Março é o mês com recorde de mortos na história do Brasil; Covid-19 foi responsável por um terço

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
Pandemia ocasionou recorde de mortes em um mês na história do Brasil (AP Photo/Eraldo Peres)
Pandemia ocasionou recorde de mortes em um mês na história do Brasil (AP Photo/Eraldo Peres)

O pico da pandemia de Covid-19 no Brasil transformou março no mês com maior número de mortos na história do país. Foram 140.978 óbitos registrados até o último domingo, ainda com três dias restando para a chegada de abril. Destes, um terço foi causado pelo coronavírus.

A informação foi levantada pelo UOL. O site informou que o mês teve mais de 140 mil certidões de óbito emitidas, superando o recorde anterior de julho de 2020, com 139.658, também com influência da Covid-19.

Leia também:

Em relação a março do ano passado, quando a pandemia havia acabado de chegar ao Brasil, houve um aumento significativo no número de mortes. Na ocasião, foram 107 mil certidões de óbito. Já no mesmo mês em 2019, foram 97,7 mil.

Um terço das mais de 140 mil mortes foi causada pela Covid-19 (AP Photo/Silvia Izquierdo)
Um terço das mais de 140 mil mortes foi causada pela Covid-19 (AP Photo/Silvia Izquierdo)

Das 140.978 mortes já registradas nesse mês, 47.404 foram causadas pelo coronavírus, ou 33,6%. Trata-se também de um recorde, superando os 23,7% de óbitos causados pela Covid-19 em janeiro deste ano, quando 133.428 pessoas morreram.

Brasil registra 1.656 mortes no domingo

O Brasil registrou 1.656 novas mortes pelo novo coronavírus e 44.326 casos da doença neste domingo (28). Com isso, o total de mortos chegou a 312.206 e o de casos a 12.534.688, de acordo com o painel atualizado pelo Conass (Conselho Nacional dos Secretários de Saúde), um sistema próprio de informações que reúne dados de contaminados e de óbitos em contagem paralela à do governo.