Marilyn Manson é acusado de estupro e assédio sexual

·1 minuto de leitura
Marilyn Manson em show em Houston em novembro de 2019

O cantor americano Marilyn Manson foi acusado nesta segunda-feira (1o) de assédio e estupro por várias mulheres, incluindo a atriz americana Evan Rachel Wood, que afirma ter sofrido "abusos horríveis durante anos".

Ao menos cinco mulheres publicaram acusações contra Brian Hugh Warner (seu nome verdadeiro) quase simultaneamente no Instagram.

Evan Rachel Wood, de 33 anos, afirma que o cantor a "manipulou psicologicamente" quando não tinha nem 20. Ela conta que depois foi submetida "a horríveis abusos durante anos".

A atriz, que participa na série "Westworld", esteve oficialmente em uma relação com Marilyn Manson por vários anos antes de se comprometerem em 2010 e se separarem alguns meses depois.

Outras quatro mulheres, que afirmam ter tido uma relação sentimental com ele, acusaram o artista de manipulação, assédio, abuso e ameaças.

Uma delas também menciona vários estupros. Sua relação começou em 2015.

"Estou farta de viver com medo das represálias, das calúnias e da chantagem", escreveu Evan Rachel Wood.

Procurados pela AFP, o porta-voz e o advogado do cantor não responderam até o momento.

tu/iba/mps/rsr/aa