Marina Ruy Barbosa defende representatividade ruiva e é criticada

·1 minuto de leitura
Atriz foi criticada (Foto: Reprodução/Instagram/@marinaruybarbosa)
Atriz foi criticada (Foto: Reprodução/Instagram/@marinaruybarbosa)

Marina Ruy Barbosa compartilhou o post de um fã-clube mostrando crianças ruivas abraçando uma foto dela na rua com a mensagem "depois falam que representatividade não é importante". Não demorou muito, é claro, para o caso repercutir nas redes sociais e a atriz ser atacada.

Internautas afirmaram que, apesar de fofo, o post não fala sobre representatividade, pois os ruivos não deixam de ser representados na TV e em outros espaços por preconceito da sociedade, como é o caso de negros e membros da comunidade LGBTQIA+. 

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Leia também:

No Twitter, Marina se defendeu. "Sério que vocês estão problematizando um Story que eu apenas repostei com fãs mirins? Gente, pelo amor. Tantas coisas mais importantes para vocês se preocuparem", disse ela, que foi alertada sobre o problema visto na frase e se retratou. "Nem tinha repostado pela frase, e sim pelas crianças fofas abraçando o pôster", justificou. 

A polêmica dividiu opiniões. Assim como muitos criticaram, muitas pessoas também saíram em defesa da atriz. Mais tarde, ela se encorajou e tratou o caso com deboche nas redes sociais trocando o Ruy de seu sobrenome por Ruyva: "Vou mudar meu nome artístico", avisou, o que gerou ainda mais críticas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos