Piñera visitará Brasil e Argentina na primeira viagem de Estado do mandato

Santiago do Chile, 25 abr (EFE).- O presidente do Chile, Sebastián Piñera, partiu nesta quarta-feira rumo à Argentina, onde realizará uma visita oficial, e depois se transferirá ao Brasil para se reunir com o presidente Michel Temer, na primeira viagem de Estado do seu mandato.

Em Buenos Aires, Piñera, que assumiu a presidência no último mês de março, participará nesta quinta-feira de um café da manhã de trabalho com 40 empresários chilenos e um número similar de argentinos e ao meio-dia será recebido pelo presidente Mauricio Macri, com quem terá uma reunião.

Durante a tarde, o governante chileno encontrará membros da comunidade chilena no país vizinho e comparecerá ao jantar anual da Fundação Liberdade, junto com Macri e o escritor peruano vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 2010, Mario Vargas Llosa, no seu último ato oficial na Argentina.

Na sexta-feira, após sua chegada ao Brasil, Piñera se reunirá com Temer no Palácio do Planalto.

Mais tarde, os dois governantes discursarão em cerimônia de assinatura de acordos e depois farão uma declaração conjunta à imprensa.

Após um almoço no Palácio do Itamaraty, junto às respectivas primeiras-damas, Piñera terá uma reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e depois com a presidente do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia. EFE