Mario Frias vai assumir a Secretaria Especial da Cultura, confirmam aliados de Bolsonaro

Naira Trindade

BRASÍLIA - O ator Mario Frias aceitou o convite de Jair Bolsonaro para assumir a Secretaria de Cultura, afirmam aliados do presidente. Ele vai substituir a atriz Regina Duarte no comando da Cultura e deverá trabalhar de Brasília. Ainda não está definida a data em que o ator deve assumir o cargo.

Nesta quarta-feira, Mario Frias almoçou pelo segundo dia consecutivo com Bolsonaro no Palácio do Planalto e, em clima de descontração, falaram de futebol e comentaram sobre o almoço do dia anterior, que contou com a presença de presidentes de clubes do Rio de Janeiro, como o Vasco e Flamengo.

Na avaliação de aliados de Bolsonaro, a postura de Mario Frias em defesa do presidente em um debate recente na CNN Brasil conquistou Bolsonaro. O ator tem gravado vídeos a favor do governo e se colocado à disposição para ajudar.

Mais cedo, Mario Frias havia deixado um recado no Instagram também mencionando o vídeo do debate e na legenda escreveu: "Pra quem ainda não entendeu, vou deixar aqui o mais claro possível: aqui é Jair Bolsonaro".