Marrocos e Espanha reforçam cooperação contra tráfico de migrantes

Pessoas desembarcam de um navio vindo da Espanha no porto marroquino de Tânger, em 12 de abril de 2022, após a decisão de Rabat e Madri de abrir linhas de navegação entre os dois países (AFP/-) (-)

Marrocos e Espanha se comprometeram nesta sexta-feira a reforçar a luta contra a imigração irregular, uma prioridade regional, após retomarem suas relações, depois de um ano de crise diplomática.

O compromisso foi ratificado durante a reunião em Rabat de um grupo misto permanente que trabalha no tema. "Diante dos desafios compartilhados", induzidos pela ação das redes de tráfico de migrantes e o entorno regional instável, ambas as partes decidiram reforçar seus mecanismos de coordenação e troca de informações, informaram os dois países em comunicado conjunto.

A cooperação se traduzirá em novas modalidades de colaboração entre policiais, oficiais e patrulhas mistas, segundo o comunicado conjunto, o qual destaca que o retorno dos migrantes constitui também um instrumento de dissuasão essencial.

O governo espanhol considera o Marrocos - um importante parceiro comercial - um "aliado estratégico" na luta contra a migração irregular. A retomada da cooperação bilateral se insere no marco da reaproximação das relações entre Marrocos e Espanha, que estavam suspensas desde meados do primeiro semestre de 2021.

No começo de abril, os dois países chegaram a um acordo de reconciliação, logo depois que a Espanha se alinhou à posição do governo marroquino sobre a questão envolvendo o território disputado do Saara Ocidental.

ko-agr/ezz/tp/jvb/js/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos