'The Masked Singer Brasil' estreia hoje terceira temporada com fantasias confeccionadas por carnavalescos da Grande Rio

Se em 2021 parecia estranho ver um unicórnio ou um dragão cantando e dançando nas tardes de domingo da TV Globo, agora o público já sabe que novos personagens inusitados irão surgir para apresentações musicais no palco do “The Masked Singer Brasil” em algum momento. A hora chegou. Hoje, às 15h40, estreia a terceira temporada do programa com novas fantasias, jurados e participantes.

Este ano, fazem parte do elenco Abelha-Rainha, Broco Lee, Capivara, Circo, Coelho, Coruja, Dinossauro, DJ Vitória-Régia, Filtro de Barro, Galo, Milho de Milhões, Vovó Tartaruga, a dupla Romeu e Julieta e o trio Os Suculentos.

E, para dar vida aos personagens da nova temporada, inspirados na cultura brasileira, foram convidados os figurinistas Gabriel Haddad e Leonardo Bora — carnavalescos da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio, atual Campeã do Carnaval Carioca.

— Quando fomos desenvolver as fantasias, tivemos três preocupações básicas: conforto, garantir uma respiração tranquila e, claro, o visual — explica Gabriel.

Ele conta que, antes de passar para a confecção das fantasias, os designs não se limitam ao visual, mas precisam imprimir uma personalidade inventada para cada personagem. O Filtro de Barro (pintado à mão, para dar o efeito de material artesanal) é um mergulhador divertido, o Milho é a caracterização de um “agroboy”, enquanto o Galo é um folião, uma homenagem ao carnaval de Pernambuco.

Claro que Gabriel e Leonardo não deixariam os elementos carnavalesco de fora. Dos elementos que usam na avenida, incorporaram a pena artificial de faisão, o pompom, o chaton (tipo de pedraria para dar brilho às roupas) e canutilhos, por exemplo.

— No carnaval, normalmente, a gente cria para um conjunto de 70, 100 fantasias iguais, né? No programa, é apenas uma. E com a luz, câmera, temos que prestar atenção a volume, brilho e acabamento dos detalhes e no resultado de tudo, porque, quando a câmera vem para cima da fantasia, dá para ver tudo que a compõe — diz Gabriel.

O figurinista descreve a experiência como “espetacular” e não consegue escolher uma fantasia preferida. Para conciliar a atração com o desfile da Grande Rio, dia 19 de fevereiro, usou duas equipes, sendo sete profissionais no programa.

Assim como Gabriel e Leonardo, que estreiam no programa, o elenco ganhou dois novos jurados: Sabrina Sato e Mateus Solano. A apresentadora e o ator se juntam a Taís Araujo e Eduardo Sterblitch.

— É um programa lúdico que cumpre a árdua tarefa, nos dias de hoje, de unir a família brasileira em torno da defesa da curiosidade e da criança que a gente carrega dentro da gente. Fiquei feliz por ter sido pensado para ocupar essa responsabilidade — diz Mateus.

E Sabrina tem as melhores expectativas:

— Estou impressionada com o tamanho da produção. É o mundo encantado dos mascarados (risos).

O comando da atração continua sendo de Ivete Sangalo, e a cobertura dos bastidores é feita por Priscilla Alcantara, vencedora da primeira temporada.

— O programa está ainda mais dinâmico, mais competitivo e com mais números musicais. Está demais! — revela Ivete.