Maya Hawke quer que Robin morra no final de “Stranger Things”: "Momento heróico”

Maya Hawke como Robin na terceira temporada da série
Maya Hawke como Robin na terceira temporada da série "Stranger Things". (Foto: Divulgação/Netflix)

Os roteiristas de "Stranger Things" já estão trabalhando na quinta e última temporada da série e Maya Hawke deu uma sugestão para o grande final de Robin. A atriz revelou que gostaria que sua personagem se sacrificasse pelo grupo.

Em entrevista à "Rolling Stone", a artista revelou que "adoraria morrer e ter meu momento heróico”. “É a última temporada, então algumas pessoas provavelmente vão morrer (...). Adoraria morrer de forma honrada, como qualquer outro ator adoraria”, acrescentou Hawke.

Ela também pontuou que admira o carinho que Shawn Levy e os Irmãos Duffer, produtores da série da Netflix, desenvolveram por todos os personagens e que entende a decisão de matá-los. “A razão pela qual eles escrevem tão bem para mim e para todos os outros é porque eles se apaixonam por seus atores e personagens, e não querem matá-los. Acho que é uma bela qualidade e não gostaria que isso fosse embora”, explicou.

Caso Robin não tenha uma morte heróica, Maya não descarta a possibilidade de estrelar um spin-off focado nas aventuras da personagem ao lado de Steve (Joe Keery) durante a década de 1990. "Onde vamos para Nova York e estamos apenas festejando nos clubes e descobrindo nossas coisas", descreveu o possível projeto. "Normalmente, eu não seria uma defensora de um derivado, mas se eu pudesse fazer isso com Joe Keery."

“Ele é tão engraçado e maravilhoso e inteligente", elogiou. "Ele é um excelente colega de trabalho e eu faria qualquer coisa com ele”.

A quarta temporada de "Stranger Things" se tornou a mais assistida da Netflix. O quinto ano vai encerrar a trama e ainda não teve sua data de estreia divulgada.