Mbappé nega ter exigido saída de Neymar e Pochettino do PSG

Kylian Mbappé negou ter exigido a saída de 14 nomes do Paris Saint-Germain como condição para renovar seu contrato com o clube francês. Nas redes sociais, o atacante disse que a informação é "fake".

Nesta semana, o jornal espanhol "Mundo Deportivo" publicou que Mbappé teria exigido a troca de algumas peças do clube para continuar em Paris. Entre os nomes estariam Neymar, o técnico Mauricio Pochettino e o diretor esportivo Leonardo.

De acordo com a publicação, o pedido de Mbappé teria recebido o aval do presidente do clube, Nasser Al-Khelaifi. A primeira de suas supostas exigências, inclusive, já foi atendida: Leonardo foi substituído por Luis Campos. A próxima vítima deve ser o técnico.

O jogador francês, porém, desmente as informaçoes. Mbappé respondeu uma publicação do "Sport Bible" no Twitter e afirmou que a notícia sobre suas exigências é fake. O atacante ainda printou a resposta e compartilhou nos Stories do Instagram.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos