Mbappé revela que chegou a pedir para deixar o PSG em julho

·1 minuto de leitura

O atacante francês Kylian Mbappé revelou que realmente pediu ao Paris Saint-Germain que o deixasse sair do clube em julho deste ano. A equipe parisiense, no entanto, se recusou a deixar o atleta ingressar no Real Madrid na última janela de transferências.

— Pedi para sair porque na hora não queria renovar, queria que o clube recebesse uma multa por transferência para ter um substituto de qualidade — disse o jogador em entrevista à rádio "RMC Sport", cuja trechos foram divulgados nesta segunda-feira.

O jogador, que completa 23 anos em dezembro, garantiu que fez o pedido com antecedência para que o clube pudesse se planejar:

— Eu disse a eles cedo o suficiente para que o clube pudesse reagir. Minha esperança era que pudéssemos nos beneficiar e encontrar um bom negócio. Não gostei de acreditar que as coisas seriam feitas na última semana de agosto. Eu disse ao clube no final de julho que queria ir. A minha posição era clara. Disse que queria ir e disse isso muito cedo. Mas, eu respeito aqueles no clube e também disse a eles 'Se vocês não quiserem que eu vá, eu ficarei'.

Na entrevista, Mbappe também insistiu que continua feliz no PSG , embora não tenha conseguido sair no verão, e negou rumores:

— As pessoas diziam que rejeitei seis ou sete ofertas para prorrogar o meu contrato ou que tinha parado de falar com o Leonardo, mas isso não é verdade. Sempre fui feliz no clube nos meus quatro anos aqui e ainda sou.

A entrevista completa do jogador será publicada na terça-feira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos