MDB do Rio formaliza voto 'Castro-Lula' e indicação de Washington Reis como vice na chapa do governador

O diretório fluminense do MDB formalizou, nesta quinta-feira, a indicação do ex-prefeito Washington Reis para vice na chapa do governador Cláudio Castro à reeleição. Na disputa presidencial, no entanto, os emedebistas do Rio vão apoiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). As decisões foram tornadas oficiais na convenção estadual do partido.

Apesar da contradição, já que Cláudio Castro é correligionário do presidente Jair Bolsonaro (PL), o MDB do Rio já havia sinalizado que apoiaria o petista à Presidência, a despeito do nome lançado ao Planalto pela própria sigla, da senadora Simone Tebet (MS).

No dia 18 de julho, Lula se reuniu com lideranças de 11 diretórios do MDB em São Paulo, em sua tentativa de ampliar seu leque de aliados. Um dos presentes dentre representantes de 11 estados era Leonardo Picciani, presidente do diretório emedebista no Rio. Até então, porém, ele não tinha dado um posicionamento a favor de Lula, por ter uma ala bolsonarista como aliada no estado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos