Megaiate que ancorou em Florianópolis custa mais de US$ 200 milhões e pode ser alugado; veja fotos e vídeo

Um megaiate ancorou esta semana na badalada praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis e chamou a atenção dos banhistas por conta da sua imponência. Com mais de 300 pés e cerca de 92 metros de comprimento, o Aquarius é do empresário Steve Wynn, fundador e ex-CEO da Wynn Resorts, empresa que desenvolve e opera hotéis e cassinos de luxo nos Estados Unidos. A embarcação de luxo custa US$ 200 milhões, o equivalente a mais de R$ 1 bilhão, e pode ser alugada por cerca de R$ 28 milhões.

Medidas de última hora do governo Bolsonaro custarão de R$ 10 bi a R$ 15 bi, diz Haddad: 'Irrecuperável'

Os principais atrativos para quem procura apartamentos que valem mais de R$ 1,5 milhão

A identidade dos responsáveis por alugar a embarcação de luxo que passeia pelo litoral catarinense não foi divulgada.

Construído em 2016, o Aquarius tem acomodação para até 12 pessoas em 7 suítes, incluindo uma suíte master e seis cabines VIP. Além disso, há também uma cabine para funcionários. O serviço disponibilizado pelo aluguel conta com até 36 tripulantes a bordo.

Entre os luxos do megaiate estão uma sala de cinema, um salão de beleza, um spa, uma academia, uma piscina, uma jacuzzi e até um elevador. Quando está ancorado, é possível anexar um toboágua e andar com dois jet skis e caiaques. Com um sistema de estabilização a bordo, o seu balanço lateral, motivo de enjoo de muitas pessoas em alto mar, é reduzido.

Alimentado por dois motores MTU, o Aquarius navega a aproximadamente 22 quilômetros por hora, podendo atingir a velocidade máxima de 31 quilômetros por hora. Em velocidade de cruzeiro, ele pode alcançar mais de dez quilômetros com seus tanques de quase 276 mil litros de combustível.