Mel Lisboa diz que tem sintonia impressionante com Rita Lee, que retribui: 'É quem me representa como ninguém'

No ar como a vila Regina de "Cara e coragem", Mel Lisboa lançou nas últimas semanas o audiolivro da autobiografia de Rita Lee, em que gravou a voz ao lado do jornalista Guilherme Samora, disponível na plataforma Skeelo. A sua escalação da atriz foi um pedido especial da cantora.

A relação entre elas começou quando a atriz viveu a cantora no musical “Rita Lee mora ao lado”, de 2014 a 2016.

— Rita foi assistir, a partir daí o nosso elo foi ficando cada vez mais coeso e mais forte. É uma honra ter isso no meu currículo. Me marcou profundamente, marcou minha vida. Por isso também nós seguimos juntas, de certa maneira. Foi um divisor de águas na minha carreira de um modo geral e na minha história no teatro em São Paulo — conta Mel, que mantém contato com a ex-mutante: — Ela é reclusa, fica no cantinho dela. Mas somos muito sintonizadas, é impressionante. A gente se fala algumas vezes por mensagem. Mas também não fico perturbando (risos). Ela tem um jeitinho que respeito muito. Sou fã incondicional. Ela é única, não tem nada nem ninguém como Rita Lee.

Mas se Mel prefere não perturbar a Rainha do Rock, a Canal Extra não fez o mesmo. Sem incômodo algum, no entanto, Rita logo respondeu à nossa pergunta e não poupou elogios à atriz, justificando por que a quis como voz de sua autobriografia.

— Mel Lisboa é quem me representa como ninguém. Na peça, ela me retratava lindamente e agora narrando meu audiobook! Essa menina, além de bela, é uma fera como atriz, cantora e contadora de história — resume a doce vampira, celebrando ouvir sua própria história com sabor de Mel.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos