Menina de 10 anos que morreu após ter cabelos sugados estava em piscina de hidromassagem e não em piscina

·2 min de leitura

A Polícia Civil informou que a menina de 10 anos que morreu após ter os cabelos sugados estava numa banheira de hidromassagem, semelhante às disponíveis em SPAs, e não em uma piscina. Testemunhas do caso, que aconteceu na casa da família da criança, em Faxinal do Guedes, Oeste de Santa Catarina, na noite de terça-feira, ainda estão sendo ouvidas. O laudo cadavérico ainda não foi concluído. O órgão informou ontem à noite que, a princípio, a morte está sendo tratada como acidental, mas o resultado desse laudo será determinante para definir sobre como será o prosseguimento da investigação.

Segundo informações da equipe do Corpo de Bombeiros Militar em Faxinal dos Guedes, a equipe de plantão se deslocou até o local, ao tomar conhecimento do fato, mas os familiares já estavam em deslocamento ao hospital e portanto não houve atendimento dos agentes.

O corpo de Laíse Pegorini Franzen foi velada na manhã de quarta-feira (10) na Capela Mortuária de Faxinal dos Guedes e enterrada às 15h no Cemitério Municipal de Xanxerê. Ela morava com os pais e mais dois irmãos em uma casa no bairro São Cristóvão.

O Grupo Escoteiro Muiraquitã, que Laíse participava, prestou as condolências em sua página do Facebook.

"É com imenso pesar que o Grupo Escoteiro Muiraquitã vem informar o falecimento da amada lobinha Laise Pegorini Franzen ocorrido ontem (09/11). Filha da Diretora Liane Franzen e irmã do sênior João Paulo Franzen. Neste momento de dor e consternação, só nos cabe pedir a Deus que dê conforto a todos os familiares e amigos", diz o texto. Nos comentários da publicação, amigos e familiares lamentaram a tragédia.

O Colégio Integração, de Xanxerê, onde a menina estudava no quarto ano matutino, também publicou homenagem.

"Não encontramos palavras nesse momento para expressar tamanha dor ao perder um serzinho tão amado, nossa pequena Laise. Que Deus conforte o coração de seus pais e irmãos. Sentiremos sua falta todos os dias em nossa escola. Seu sorriso, seu jeitinho de ser que encantava a todos. Ficarás eternamente em nossos corações", diz o texto publicado na página do Facebook da escola.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos