Menina de seis anos morre ao ser baleada em carro; pai está internado

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Uma menina de 6 anos morreu ao ser atingida por ao menos três tiros quando voltava para casa na noite de sexta-feira (29) em Carapicuíba, na Grande São Paulo, no carro do pai, que também foi baleado e está internado.

De acordo com a Polícia Civil, os disparos partiram de integrantes de um veículo, que fugiram após abrir fogo. A Polícia Civil descarta a hipótese de latrocínio (roubo seguido de morte), já que nada foi levado no local do crime.

Helena Guimarães Mingorance morreu no Hospital Geral de Carapicuíba. Já o pai dela foi socorrido e conduzido a um hospital em Barueri, onde se recupera dos ferimentos causados pelos tiros.

A Polícia Civil investiga a hipótese de que o pai da criança pudesse ter sido alvo da ação, já que os tiros foram na direção do motorista e não houve anúncio de assalto. O celular do pai da menina foi apreendido e será submetido a uma perícia.

O veículo usado pelos criminosos já foi identificado com o auxílio de câmeras de segurança, segundo informou o delegado Marcelo do Prado em entrevista à TV Bandeirantes.

"Já temos imagens e o veículo do atirador identificado. Em breve, vamos identificar a autoria do crime e prender quem fez isso", disse à emissora o delegado encarregado pela investigação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos