Meninas “fofocam” sobre traficante e têm cabelos cortados à força como “punição”

·1 minuto de leitura
Cinco jovens tiveram os cabelos cortados em Realengo, na Zona Oeste do Rio de Janeiro (Foto: Reprodução)
Cinco jovens tiveram os cabelos cortados em Realengo, na Zona Oeste do Rio de Janeiro (Foto: Reprodução)
  • Cinco jovens tiveram os cabelos cortados como "punição"

  • Caso está sendo investigado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro após vídeos do momento circularem na internet

  • Moradores afirmam que motivo da "punição" seriam conversas das jovens no Whatsapp, em que elas falavam sobre um dos chefes do tráfico e sobre a mulher dele

Imagens divulgadas nas redes sociais mostram cinco jovens tendo os cabelos cortados à força na comunidade do Nogueira, em Realengo, na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Elas estariam sendo “punidas” pelo tráfico após uma conversa no celular.

Segundo informações do jornal Extra, o caso está sendo investigado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro. As vítimas aparentam ser menores de idade e, até o momento, nenhuma delas foi à 33ª DP, onde o caso é investigado, para prestar denúncia. As meninas ainda não foram identificadas.

Leia também

No momento, a base da investigação são os vídeos compartilhados na internet. Um inquérito foi aberto para apurar o ocorrido.

De acordo com o Extra, moradores da região relatam que o motivo da “punição” teria sido uma conversa entre as adolescentes, em um grupo fechado no Whatsapp. Elas teriam feito comentários sobre um dos chefes do tráfico na região e também sobre a mulher dele. Essa versão ainda não foi confirmada pelas autoridades.

Como forma de “punir” as jovens, os cabelos delas teriam sido cortados. No vídeo em que o momento é registrado, uma voz masculina diz ao fundo que “é muito bom fazer fofoca”. As gravações mostram umas das vítimas chorando e cobrindo o rosto com as mãos.

Outro registro mostra as jovens, enquanto um homem questiona: “Tá ficando careca por causa de quê? Fez o quê?” Em seguida, ele pergunta se a menina “fez fofoca sobre a mulher dos amigos”, e ela concorda.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos