Menino de dois anos prende cabeça em panela de pressão no Ceará

·1 minuto de leitura
Menino prende cabeça em panela de pressão no Ceará
Menino prende cabeça em panela de pressão no Ceará
  • Um menino de dois anos prendeu a cabeça presa em uma panela de pressão

  • A panela foi retirada pelos próprios pais quando a criança dormiu após ser medicada em uma UPA

  • O caso ocorreu na tarde de sábado (18) na cidade de Granja, no Ceará

Um menino de dois anos ficou com a cabeça presa em uma panela de pressão na tarde do último sábado (18), em Granja (CE), e precisou de atendimento médico. A panela foi retirada pelos próprios pais quando a criança dormiu após ser medicada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade.

Em entrevista ao portal G1, a mãe de João Pedro, Keciane Silva, disse que o filho colocou a panela de pressão na cabeça para brincar de "bumba meu boi" e não conseguiu mais tirar. "Foi aí que começou o desespero. A cabecinha dele começou a ficar inchada e quanto mais eu e o pai dele tentávamos tirar mais ele se desesperava", relatou.

Leia também

Os pais chegaram à UPA com a criança bastante agitada, de acordo com o médico José William.

"Não conseguimos retirar a panela, a princípio. Fiz duas medicações para evitar que tivesse edema. Acionamos os bombeiros, mas a criança só se acalmou quando ficou na companhia dos pais, momento em que dormiu e o edema diminuiu. A mãe e o pai então conseguiram retirar a panela da cabeça dele", explicou ao portal G1.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Após o susto, a mãe agradeceu aos profissionais da UPA e do Corpo de Bombeiros pelo empenho em ajudar o filho e aproveitou para fazer um alerta aos pais para que vigiem seus filhos e evitar incidentes como este.

"Mais atenção aos pequenos. Em um momento de descuido me vi em uma situação que não desejo a ninguém. Quero agradecer a todos os profissionais da UPA e aos bombeiros que mantiveram a calma e fizeram tudo para que desse certo", concluiu ela.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos