Menino tem a mão costurada à barriga após dedo ser arrancado por cavalo

O que restou do dedo do menino foi costurado à sua barriga (Imagem: Asia Wire)

A mão de um menino foi costurada à sua barriga após seu dedo ter sido arrancado por um cavalo.

Os médicos afirmam que o procedimento incomum é a forma mais prática de manter a mão saudável enquanto eles desinfetam o dedo que, posteriormente, será reconectado.

A criança, que tem 1 ano e 11 meses, teve seu dedo arrancado pelo cavalo ao visitar o rancho Weichuan Pushin em Taiyuan, no noroeste do Taiwan.

O menino, sentado junto com sua mãe (Imagem: Asia Wire)

A mãe da criança, Liu Ching-wen, ignorou alertas de segurança e segurou seu filho sobre duas cercas de madeira para que ele pudesse alimentar o animal, momentos antes do cavalo morder e arrancar o dedo do menino.

A mulher conseguiu pegar o dedo e ligou para uma ambulância que levou o pequeno ao hospital.

Os cirurgiões fizeram uma operação de três horas para conectar a mão do menino à barriga, cobrindo o que havia restado de seu dedo com sua pele.

Filmagens da CCTV mostram o momento em que o menino foi levantado (Imagem: Asia Wire)

Agora, eles planejam reconectar o dedo quando avaliarem que é seguro fazê-lo.

Liu, que classificou o incidente como “o pior dia dos últimos 41 anos” de sua vida, culpou o rancho por não ter equipamentos de segurança.

O rancho, que funciona desde 1957, diz que não irá pagar qualquer indenização pelo incidente, pois a mãe da criança ignorou os alertas de segurança ao levantar seu filho acima da altura das cercas.

Os responsáveis pelo local se comprometeram a ajudar de qualquer outra maneira possível.

Nick Reilly
Yahoo News UK